Diário de Uma Gravidez: De Tentante a Gestante #6 Hora do Parto.

27 de maio de 2015

Créditos: imagem Google


Olá pessoal, já não era sem tempo de estar aqui conversando com vocês sobre mais um momento tão importante da minha vida: o parto do meu filho. Apesar de já ter passado pouco mais de três meses que ele nasceu, eu não podia deixar de compartilhar com vocês a minha experiência e farei o possível para colocar os posts em dia para acompanharem de acordo com cada mês.

Então vamos lá:

A cesariana foi marcada para dia 14/02/15, sábado e dois dias antes meu sogro faleceu. Dá para imaginar a dor? Não quero falar sobre isso pois ainda é um choque pra mim.

Não consegui dormir esses dois dias e como recomendação do médico, precisava estar calma e em jejum de 10 horas.  Bem, em jejum eu consegui ficar mas calma...
Estava no hospital na hora marcada as 8:00 da manhã, dei então entrada na internação e fiquei aguardando, os médicos estavam fazendo um parto e logo depois seria o meu, fui para o quarto, meu marido estava comigo, parecia estar mais nervoso que eu, sem contar o estado emocional que estava muito, mais muito abalado devido a perda.

No quarto ao lado onde eu estava, havia uma outra gestante que estava entrando em trabalho de parto, porém normal. Cada gemido dela, parecia que a dor era em mim, ficava mais nervosa e angustiada. A medida em que a dor dela ia aumentando, seus gemidos eram mais fortes e a minha angustia também. E para aumentar ainda mais a minha tensão, assim que acabou o parto, os médicos levaram ela pois já estava na hora do bebê nascer, já estava com passagem para vir ao mundo. Por um lado me senti aliviada em saber que estava tudo bem com ela, por outro ficava mais tensa ainda pois estava ansiosa para ver a carinha do meu filho.

Passado uns vinte minutos, a técnica de enfermagem vem me preparar para a cirurgia. Vou preocupada mas confiante. Sou anestesiada e então começa a cirurgia, minha pressão então cai bastante, o suficiente para o anestesista perguntar se eu tinha apressão muito baixa, então me aplica uma medicação no soro que está nas veias, daí começo a sentir uma pressão na cabeça e dores fortes na nuca, por um instante tentei suportar, mas não consegui pois minha pressão estava subindo, daí o anestesista tenta controlar mais uma vez, sinceramente não sei o que aplicaram no soro, só sei que ele passou a ficar mais atento.

Ouço os médicos dizerem, é um bebezão e depois um choro, a médica então coloca o meu filho com o rostinho encostado no meu e isso faz ele parar de chorar na hora. Gente, que emoção! Não dá para descrever com palavras o que senti naquele momento. Foi lindo e intenso. Meu outo milagre havia chegado!

A médica então leva o bebê. O pediatra precisa verificar se está tudo bem, medir pesar, fazer os procedimentos necessários.
Eu fico por mais alguns minutos para terminarem de retirar a placenta, estancarem o sangue, fazer a sutura, momento esse tenso, mas após alguns minutos fui para o quarto e momentos depois meu bebê foi também gritando de fome. Nossa! Quando ele mamou pela primeira vez, que dor eu senti mas foi incrível.

Meu filho nasceu com 3.400kg e 50cm, de 38 semanas. A minha filha da primeira gestação nasceu com 3260 e 49 cm, de 36 semanas.

Graças a Deus correu tudo bem e no dia 16/02 recebemos alta e fomos pra casa.

Abaixo algumas fotos:

Minutos depois que nasceu:

Obs; eu sei que todo bebê nasce feinho.



Primeiro momento em meus braços:
Obs: pedi para me cortar da foto, estava com cara de doente.


Arrumado para ir pra casa:


Primeiro encontro com a irmã:



Colinho da irmãzinha:


No colinho do papai:


Bom meninas, eu pedi para não sair nas fotos pois estava muito inchada e com muita, mas muita dor. Imaginem a minha cara! Seria totalmente desagradável pra vocês olharem pra ela, rsrsrs.

Cada parto é um parto e minhas duas experiências foram incríveis. Agradeço a Deus todos os dias por ter me dado a cura e colocado em minha vida dois lindos milagres.

Espero que vocês tenham gostado do post de hoje do meu (pequeno diário virtual).




Muitos

Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

0 comentários:

Postar um comentário